10 de set de 2013

Chacra Laríngeo





LARÍNGEO- Sentido da Ordem (Lei Divina)- Regência: Orixá Universal OGUM.
 
 Pai Ogum é o Trono Masculino da Lei. Irradia a Lei Divina, afasta o caos e abre caminhos, por meio do Fator Ordenador, além de amparar e sustentar os seres que vivem de forma equilibrada este Sentido da Vida.
 O Fator Ordenador de Pai Ogum nos ajuda a vencer nossas trevas e bloqueios interiores (as verdadeiras “demandas”, pois a maior luta que enfrentamos é com o nosso íntimo!) e também nos protege dos obstáculos externos, quando vivemos de acordo com os ditames da Lei Divina.
 Sobre o chacra da Garganta
 
 Localização: Zona da garganta e do pescoço. Tem o seu ponto de origem na vértebra cervical. Posição horizontal, ele se abre para frente e para trás, como um funil alongado.
 Importância deste chacra: É o chacra ordenador. Está ligado ao poder da palavra, à Vontade Divina (Lei) e à colocação do ser perante a sociedade. Regula a capacidade pessoal de comunicação e a capacidade de “ouvirmos a voz interior do Divino”. Através dele transmitimos nossas percepções do mundo e nossas emoções aos demais seres humanos. Está associado a todo o tipo de expressão humana: agressividade, choro, riso, ira etc. Rege todas as formas de expressão relacionadas com as artes (linguagem gestual ou mímica, música, canto, dança, teatro etc.).
 
 Bom funcionamento deste chacra- Favorece a comunicação e a expressão ativa das idéias: a pessoa tem facilidade de conversar, de argumentar e de participar de discussões salutares sobre novas idéias e novos conhecimentos. Não se deixa constranger pelas suas emoções, pensamentos, sentimentos ou sensações. Consegue expressar suas idéias, vontades e a sua criatividade. Sente-se inspirada, viva, feliz e capaz de ultrapassar com tenacidade todas as crises que possam surgir.
 
 Mau funcionamento deste chacra- Dificuldade de expressão. A pessoa se fecha, não consegue se livrar da angústia. Significa, acima de tudo, uma incapacidade de expressão dos sentimentos e emoções mais profundos. Sentindo-se incapaz de dizer NÃO aos outros, ao longo da vida a pessoa absorve frustração, insatisfação, sofrimento e agressividade. Pode tornar-se passiva, incapaz de aceitar novos desafios ou de expressar suas necessidades, e acabar atraindo indivíduos inescrupulosos e controladores. Ou tornar-se excessivamente intelectual, solitária e introvertida, por receio de demonstrar sua afetividade. Pessoas com esse tipo de bloqueio costumam julgar a si mesmas com muita frequência, são duras consigo mesmas.
 
 Bloqueios importantes neste chacra deixam a voz da pessoa mais agressiva, às vezes até com mudanças bruscas de timbre (passando de um tom grave para agudo, e vice-versa), provocando mais constrangimento e introversão. Persistindo o bloqueio, podem surgir outros sintomas físicos: dor de ouvido, problemas de audição, problemas vocais e na garganta, dores nas costas, problemas na parte superior dos pulmões, bronquite, laringite, faringite, asma etc.
 
 Ao querer expressar-se, a pessoa pode gaguejar, ou sentir um nó na garganta, ou dor na parte superior do tórax, tudo por sua resistência interior à comunicação como forma de expressão das suas necessidades. Muitas vezes possui uma natureza talentosa para a escrita, a poesia e as artes no geral, mas não consegue expressar-se verbalmente. Precisará fazer um esforço consciente para desenvolver sua auto estima e autoconfiança, confiar mais na própria intuição, além de treinar a voz (cantando, conversando mais com os outros).
 
 O medo de se expressar leva a pessoa a se esconder num mundo de fantasias, criando muros invisíveis de proteção contra julgamentos e críticas alheias. Para vencer isso, ela precisará ser mais expressiva no geral e mais honesta diante dos próprios sentimentos, idéias e necessidades. Precisará, em primeiro lugar, aceitar-se e aprender a expressar suas opiniões e comunicar de forma honesta e direta os seus pensamentos e sentimentos.
 
 Glândula relacionada: Tiróide- que regula a transformação e a digestão da comida, equilibrando os níveis de cálcio e iodo em nosso organismo e no sangue.
 
 Cor de vibração do Laríngeo: Azul céu.
 
 Partes do corpo regidas pelo Laríngeo: Garganta, ouvidos, pescoço, voz, maxilares, tubos branquiais, traqueia, parte superior dos pulmões, braços, esôfago.
 
Abraços e Luz,
Mãe Solange de Iemanjá


2 comentários:

  1. Texto interessante que me reponde muitas questões sem solução ou com resposta que não satisfazia

    ResponderExcluir
  2. Texto interessante que me reponde muitas questões sem solução ou com resposta que não satisfazia

    ResponderExcluir