5 de jun de 2013

OGUM




            Sincretizado a São Jorge. Santo caçado pela igreja Católica. São Jorge continua sendo a figura que representa Ogum na Umbanda em São Paulo e algumas regiões.

            Ogum é o Orixá da ordenação. É através da emanação de Ogum que tudo se ajeita para poder progredir e por esta razão é que Ogum é o único Orixá que possui sua emanação presente em primeiro grau em todas as faixas vibracionais.

            Ogum é considerado o Orixá da guerra e das demandas espirituais, e ainda das disputas materiais e espirituais. É o protetor dos militares e de todos os seguidores da Umbanda e também, daqueles que sofrem perseguições espirituais. Sua cor é o vermelho encarnado. Ogum é o mantenedor da lei e ordem Divina, vencedor das demandas contra a Umbanda e seus seguidores, em batalhas travadas por espíritos trabalhadores do baixo astral e pelos instintos negativos do ser humano.

            Conhecido como o general de Oxalá, Ogum protege a todos que a ele recorrem. Seus domínios são todos os lugares. Em qualquer lugar Ogum é atuante, nas estradas, nas matas, nos mares, nas praias, nas encruzilhadas, nos cemitérios, enfim, onde houver um sopro de vida e em todos os lugares onde exista a menor possibilidade da prática do mal, existe a atuação de Ogum.

            A lei de Ogum é a lei da espada. É um guerreiro, Orixá muito respeitado na Umbanda. A linha de Ogum é a mais atuante contra a magia negra e hordas do baixo astral com suas falanges ou outras formas de magia negativa. Veremos mais adiante que as falanges de Ogum combatem diretamente essas energias, não permitindo a propagação do mal e suas funestas conseqüências. Ogum é responsável pela execução da Lei Divina, atuando diretamente com os Guardiões que compõe suas falanges de trabalhadores.

            Nas obrigações à Ogum são usados cravos vermelhos, brancos ou ainda vermelhos mesclado com branco. Velas vermelhas, brancas e ou bicolores vermelho e branco. Nas obrigações o uso de cerveja branca é comum, consagrando-se dessa forma essa bebida a Ogum, assim como a água pura. O uso de água contra demandas espirituais é comum, por ser a bebida de Oxalá e representar a vida, a purificação e a limpeza.

            Ogum, assim como todos os Orixás, não aceita matanças ou sacrifícios de qualquer espécie. Portanto, nunca faça e não permita que façam sacrifícios de animais.

            Recorra a Ogum sempre que sentir-se ameaçado, espiritual ou materialmente. Peça ajuda a Ele, para você ou para qualquer pessoa que você notar estar embaraçada ou em perigo.

            O chacra consagrado à Ogum é o laríngeo por onde o comando da voz se faz as ordenações de todas as coisas. Por estar em todos os lugares, Ogum se enquadra no elemento ar e por alguns seguimentos pelo elemento fogo também.

            Ogum é o orixá ordenador, é o orixá da execução da Lei de causa e efeito (retorno), é o orixá da execução da Lei Divina, senhor da guerra, o guerreiro que forja almas. O orixá é a força irradiadora e as entidades que dão passagem nos terreiros são entidades manifestadoras desta irradiação.

            Pois bem, quando dizemos que Ogum é ordenador, temos que ter em mente que Ogum sempre vem na frente, ordenando, ou seja, colocando ordem em todos os sentidos imagináveis. Onde houver um sopro de vida e criação, onde houver a possibilidade do desequilíbrio e da negatividade,  haverá uma qualidade de Ogum atuante. Para cada energia radiante, existe uma qualidade de Ogum atuante. Exemplos:-

Na Origem da energia (todos os caminhos) - Ogum guerreiro
Na mata - Ogum Rompe Mato
No mar - Ogum 7 Ondas
Na areia - Ogum Beira Mar
No cemitério - Ogum Megê
Nas pedreiras - Ogum Dilê (conhecido também como Ogum de lei)
Nos campos - Ogum Matinada
Nas cachoeiras - Ogum Iara

            Por esta razão que é o único Orixá presente em todas as faixas vibracionais e se faz presente em todos os trabalhos realizados.

            Sendo assim, não importando qual a entidade que comanda o trabalho de esquerda, sempre haverá uma qualidade de Ogum para trazer a ordenança.

            Ogum está a frente nos trabalhos de esquerda, assim como nos trabalhos de direita, onde o primeiro ponto a ser firmado é justamente o de Ogum.

            Enfim, Ogum vem em primeiro lugar nos trabalhos para trazer ordem e equilíbrio em todos os sentidos.

            “Ogum jamais desampara aqueles que a Ele pedem ajuda”

            Cor                                vermelha
            Domínios                       todos os lugares e caminhos
            Atuação                         contra demandas e feitiços
            Elemento                       ar e fogo.
            Saudação                       Ogum é meu Pai, Ogum iê ou Patacori
           



            A tela aérea reflete:

            - Idealização
            - Lealdade
            - Sustentação
            - Movimentação
            - Circulação
            - Segurança

Nenhum comentário:

Postar um comentário