13 de mar de 2013




Filhos de Umbanda,

Ao escolher fazer parte de uma corrente mediúnica dentro da religião Umbanda é necessário ter a consciência que é preciso em primeiro lugar se humanizar para só então ter condições para trabalhar como médium.

É necessário aprender a ter consciência de que viver em comunidade o respeito, a paciência, a educação e principalmente a boa vontade são elementos primordiais. Enquanto a pessoa não consegue deixar de lado ao menos um pouco seu ego, onde seu problema é sempre o mais importante, seus desejos são sempre primordiais e suas necessidades são sempre a prioridade, ela jamais terá condições de atuar como médium. Pois, trabalhar mediunicamente significar doar-se e não ser atendido em seus desejos.

A Umbanda é uma religião e como qualquer outra, atua na melhoria do ser, ajudando-o a frear seus maus instintos. Sendo assim, compreender que a Umbanda não é um balcão de negócios já é um grande passo. A Umbanda não existe para arrumar emprego, para resolver intransigências familiares, para trazer o par ideal, para passar ninguém em concurso ou cursos. A Umbanda existe unicamente para te ensinar a ser uma pessoa melhor! E assim, consequentemente toda sua vida será melhor.

Muitos ingressam na Umbanda imaginando que todos seus problemas serão resolvidos, que os guias tem a obrigação de resolver tudo o que os incomoda. Esquecem que à cada um é dado conforme merecimento.

Pular estágios, imaginar que ser médium é apenas participar por poucas horas dos ritos, sentir energias e a atividade dos guias em si, preocupar-se unicamente consigo e deixar-se levar por vaidades, onde SEU guia é melhor ou mais poderoso que os demais é o início da derrocada de um médium.

Se seu coração bate forte no ritmo do atabaque, se sua alma sossega dentro de um terreiro e se você escolheu a partir do seu livre arbítrio ser um Umbandista, então submeta-se aos estágios necessários para seu desenvolvimento, para que um dia possa atuar com verdade, juntamente com a espiritualidade. Estude, conheça a religião que você escolheu, comece ajudando nas coisas mais simples conforme sua capacidade e conhecimento, escute mais e deixe-se direcionar pelos conselhos trazidos pelos guias, use o tempo todo o bom senso e a boa vontade. Só assim você será realmente um Umbandista!

Abraços e Luz,
Mãe Solange de Iemanjá

Nenhum comentário:

Postar um comentário