NOSSA CASA

16 de mai de 2017

Por que situações de conflitos acontecem quando iniciamos o trabalho de melhora pessoal e espiritual?

Resultado de imagem para familia brigando desenho

Devido várias manifestações de insatisfações e frustrações nos relacionamentos, por filhos da corrente e amigos engajados num trabalho espiritual evolutivo, resolvi abordar este tema na tentativa de colaborar para uma compreensão mínima do agente provocador de tais situações.
Quantas vezes ouvimos dizer que assim que uma pessoa inicia um desenvolvimento espiritual ou quando ela muda de estágio dentro deste desenvolvimento, que tudo vira de ponta cabeça, que a família ou os amigos, ou ambos, se voltam contra elas gerando conflitos desnecessários, que os amigos do trabalho e o chefe passam a se comportar de maneira estranha e contrariada? Por que isto acontece?
Da mesma forma que é comum ouvir tais queixas, também é comum ouvirmos as explicações que atribuem a culpa por tais ocorrências à obsessores ou pelo o Comando Negro. Quem nunca recebeu o conselho para se manter firme porque os obsessores fazem isso para que você desista deste intento espiritual evolutivo?
Pois bem, não desconsideramos tais possibilidades, porém, existe mais um fator muito comum que ainda é pouco compreendido, percebido e analisado: “A frequência vibracional”.
Iniciaremos então, por algo que ao ser esmiuçado, mostrará o quanto a explicação acima pode ser incoerente e de certa forma insensata.
1 – Geralmente as pessoas chegam à um templo em busca de explicações, conselhos e ajuda para seus problemas. A dor os trazem até a espiritualidade.
2 - Algumas destas pessoas acabam descobrindo que possuem um grau mediúnico que necessita ser acompanhado e desenvolvido, o que o aliviará muito de seus problemas atuais.
3 – Nestes casos, onde o agente de desconforto e dor é a mediunidade desequilibrada, a pessoa receberá tratamento de equilíbrio energético, desobsessão e doutrina. Após tal tratamento e com melhora à olhos vistos, muitas vezes por gratidão ou por conscientização, estas decidem fazer parte do grupo de trabalhadores do templo.
4 – Se ela recebeu este tratamento e, posteriormente resolveu fazer parte do corpo mediúnico, como poderia ser um obsessor que gera os conflitos enfrentados inicialmente? Diante dos procedimentos normais da maioria das casas, o momento correto de receber permissão para fazer parte da egrégora é aquele onde ela já se encontra liberta destas influências de obsessores e consequentemente estar mais equilibrada mental e emocionalmente.
5 – Admitir este fator como corriqueiro é quase como dizer que todos os trabalhos realizados pelas entidades da casa não surtiram resultados. O interessante é que os próprios filhos da casa e, até os próprios chefes das mesmas, não se dão conta desta mensagem subliminar que passam ao declararem este fator. É claro que haverá casos em que as coisas só se resolveram com o passar de um longo tempo de tratamento, porém estes não são a maioria. Normalmente, a grande maioria, se resolve num tempo relativamente curto de tratamento espiritual e se mantém através de uma nova conduta comportamental, moral e ética orientada pelas entidades que estão cuidando destas pessoas.
Vamos agora analisar o fator frequência vibracional. O que é e como gera os conflitos.
1 – Como sempre precisamos reafirmar a questão de tudo e absolutamente tudo que existe ser energia em graus de densidades diferenciados. Desde uma emoção ou sentimento à uma cadeira, tudo é energia, vibrando em faixas de ondas energéticas distintas, mais ou menos rápidas.
2 – Muitos já ouviram falar sobre o inconsciente coletivo, que nada mais é do que um padrão de ressonância energética que impulsiona um grande grupo de pessoas à se comportarem de uma determinada forma, onde ações e reações, são de certa maneira comum à todos. Vou dar um exemplo bem básico, dentro de um padrão vibracional baixo, para melhor compreensão do inconsciente coletivo.
    “Um grupo de amigos se juntam, um deles não pode comparecer ao encontro. Num determinado ponto deste encontro os assuntos acabam quando um inicia um novo assunto exaltando um comportamento ou uma atitude do amigo que não está presente, negativamente, mostrando e afirmando sua indignação e contrariedade diante deste fato levantado. Os outros, ao ouvir tal comentário complementam e potencializam o que foi dito, dando cada um sua própria opinião”.
        Este é um padrão normal de baixa faixa vibracional coletiva onde a fofoca predomina como parâmetro de comparação e desqualificação de outra pessoa, normalmente ausente, para ressaltar qualidades, nem sempre existentes ou reais, das pessoas que abordaram o assunto alheio.
            E assim se dá muitos padrões de comportamento moral e de atitudes, dentro de um inconsciente coletivo. Atos e reações praticamente previsíveis que todos adotam como prática normal, imaginando que todos são inerentes à si, o que nem sempre é verdade. Se uma pessoa mantiver o hábito de se auto analisar, se conhecer profundamente, saberá identificar o que lhe agrada ou não, quais condutas que ela por escolha irá adotar ou não, o que te faz bem ou não e, não tão somente se comportar de forma reativa tal qual a grande massa energética que permeia o todo.
            3 – Como tudo é energia e como há a lei de que os iguais se atraem é fácil compreender que o núcleo familiar em que encarnamos, que o núcleo de amigos que escolhemos e que o ambiente de trabalho que conquistamos estão diretamente ligados à esse padrão vibracional energético que emitimos. Ou seja, fazemos parte de um grupo o mesmo será semelhante a nós com alguns diferenciais de personalidade, porém com a faixa vibracional energética compatível a nossa, tendo ações e reações previsíveis ao todo e a todos.
            4 – Assim que você decide assumir um novo caminho, onde envolverá um trabalho constante de evolução espiritual, onde passará a adotar uma nova postura diante das situações, onde sua compreensão se sutilizará e, principalmente, a partir do momento em que você conseguir colocar tais aprendizados em prática; naturalmente sua faixa vibracional energética se modificará e você se tornará um “elemento” estranho e diferenciado dentro do seu ciclo familiar (englobando amigos pessoais e de trabalho). Imediatamente, seu grupo de relacionamentos iniciará um processo de confrontos emocionais com você deixando muito clara a contrariedade que estão sentindo. Preciso deixar claro que na maioria das vezes, nossos entes queridos não o fazem de forma consciente, este comportamento de conflito é simplesmente atos reativos diante de uma “perda” do quantum energético que compunha esse grupo. Eles farão de tudo para boicotar, desestimular, criticar, incutir dúvidas e etc; para que você desista da decisão tomada e retorne ao padrão vibracional natural do grupo.
          Utilizarei a continuação do exemplo da fofoca, acima citado, para exemplificar a mudança da postura.
           “A situação é a mesma acima descrita, só que desta vez você já faz parte de um grupo que busca conscientemente evolução espiritual e sutilização de suas vibrações energéticas. Então, após o comentário do amigo denegrindo o outro e, após os complementos e afirmações dos demais fazendo o mesmo faltando apenas o seu comentário para completar o quadro absoluto da união do grupo ao fazer a fofoca; você ao invés de se comportar como é o esperado por todos, diz: - Me desculpem mas prefiro não falar sobre essa pessoa, porque para mim ela é uma pessoa especial e qualquer defeito que ela possa ter, também tenho os meus que preciso melhorar”.
        Imagine o desconforto que você causará em todos os outros que estavam naquela faixa vibracional e que esperavam de você o mesmo. No mínimo você receberá olhares contrariados, ou comentários do quanto você está chato querendo se fazer de santinho desde que entrou no templo. Estas atitudes irão cada vez mais incomodar todos a sua volta por dois motivos: Primeiro por deixar de compor o grupo vibracional que contava com o quantum de sua energia e, segundo por causar grandes frustrações naqueles que vivem se desculpando ou dizendo que vivenciar isso ou aquilo nas questões de melhora e reforma íntima, é impossível para quem tem sangue nas veias. De repente se deparam com você, que era um igual, se disciplinando com muito esforço e mostrando que há possibilidades sim de se auto aprimorar, admitindo e encarando os próprios defeitos e atitudes erradas, enfrentando suas dores mais profundas para limpa-las do seu campo emocional e que tudo isto é possível desde que haja vontade real em se melhorar. Vale ressaltar de maneira informativa que diante da mudança vibracional, é comum que algumas amizades simplesmente acabem, que a convivência com alguns familiares ficará mais escassa e difícil e, que todas estas etapas são normais para todos que fazem a escolha deste caminho.
          Compreender que de forma inconsciente, as pessoas que você mais ama e que imagina amar você, no íntimo de suas emoções não irão te felicitar por suas conquistas é importantíssimo. Por que apenas esta consciência te fará determinado e forte compreendendo que tudo é questão de graus de energia onde o tempo será um bálsamo que fará com que todos se acostumem com o novo você.               Que seu novo eu, sua perseverança e nova conduta sutilizada acabe por influenciar beneficamente todos os que estão ao seu redor impulsionando-os à evolução através de exemplos, atitudes concretas e equilíbrio. Afinal, a luz sempre vence a escuridão.

Abraços e Luz,

Solange Costa – Dirigente espiritual.

2 de mai de 2017

A evolução humana segundo a tradição oriental (ZEN)



Olá amigos,
Certo dia, o Sr. Tranca Ruas, ao palestrar disse:
“A verdade é verdade em qualquer lugar e em qualquer tempo”.
Hoje ao assistir esta palestra me deparo com a explicação da tradição Zen, ensinada no século VII através das imagens dos 10 Touros. Que são os mesmos ensinamentos que as entidades do Tucal se utilizam ao nos orientar.
1 – Admitir que você não é o que imagina.
2 – Assumir seu lado sombra e perceber o quanto ele é mais forte do que imagina.
3 – Se propor a dominá-lo através de exercícios diários de observação e correção.
4 – Ouvir as críticas com bons ouvidos, compreender que as pessoas enxergam em você sua verdadeira face e não a máscara que criou.
5 – Superar cada etapa. Iniciar pelo fora, dramas e traumas familiares; com relacionamentos de amizades e amorosos nocivos que deixaram dores e dessabores; assumir seu quinhão de responsabilidade em todas estas situações e observar qual é o ponto mais frágil em sua personalidade; aprender se auto observar com verdade sem se condenar; reformar constantemente máscara por máscara até chegar no real, o Eu; continuar o desafio de domínio sobre o instinto que inevitavelmente criará situações diversas para te lubridiar e forçar ao retorno da zona de conforto dentro da massa, no inconsciente coletivo.
Na verdade, nada mais é do que o caminho que deve ser seguido para alcançar o triunfo sob nossos instintos, o verdadeiro caminho que deverá ser seguido para fazer sua tão afamada reforma íntima.
Espero que este vídeo auxilie a compreensão de que não há como fugir destas fases que é enfrentar a dor e a decepção inicial. Isto é primordial.

Abraços e Luz,

Solange Costa – Dirigente Espiritual




24 de mar de 2017

Sistema Nervoso


Resultado de imagem para sistema nervoso central 3d

Para compreendermos um pouco melhor o quanto nosso corpo possui reações involuntárias, usando apenas de sua capacidade máquina em funcionamento, abaixo deixei uma explicação básica do Sistema Nervoso Autônomo.
Vale ressaltar que a velocidade do pensamento é maior que a da luz, portanto podemos reagir a situações antes mesmo de nos darmos conta do que estamos fazendo. Como exemplo, utilizei a imagem desta matéria para demonstrar o quanto é rápida a comunicação elétrica de nossa máquina corpo. Quem nunca pulou e se debateu imediatamente após uma picada de agulha? Essa reação física ocorreu devido a comunicação elétrica com nosso cérebro que transmitiu um comando de defesa imediato a agressão. No segundo seguinte, quando finalmente tomamos consciência de que foi apenas um furinho notamos que tamanha reação nem seria necessária. Poderíamos ter suportado tal situação com um grau muito menor de reações, que é o que fazemos quando precisamos tomar uma picada de injeção.
Por isso se faz tão importante compreender o que é a máquina corpo para podermos obter uma tomada de consciência e controle de nossos atos e escolhas. Continuo insistindo que é primordial programar o cérebro para focar na respiração nos momentos mais difíceis de nossas vidas. Esta é a melhor técnica para se atingir o controle, a razão e a lucidez para uma tomada de decisões. Sendo assim, habituem-se a meditar, exercitem a prática de respirar antes de uma decisão até que este procedimento se torne automático em você.

Abraços e Luz,
Solange Costa – Dirigente Espiritual



O Sistema nervoso tem três funções:

1-      A Sensitiva: é constituída pelos receptores (pele, vasos sanguíneos, paredes de órgãos internos). Eles fazem a parte sensitiva e vão captar alterações do meio externo e interno e vão transformar as informações captadas em sinais elétrico que serão enviados através do nervo aferente ao sistema nervoso central .

2-      A Integradora: é a função de processamento das informações enviadas pelo nervo aferente no sistema nervoso central que enviará repostas através do nervo eferente.



3-      A Motora: é a função que coloca a resposta do sistema nervoso central em prática.

Resultado de imagem para sistema nervoso periferico somatico e autonomo

Sistema Nervoso Simpático e Parassimpático

É o sistema nervoso autônomo que não tem controle, ou seja, que nós não controlamos (funcionamento dos órgãos e glândulas). É a parte involuntária do nosso corpo, que parte de um neurônio (nervo) do sistema nervoso central  (espinha medular) até se comunicar com um gânglio (conjunto celular), dando continuidade através de fibras nervosas até gerar uma sinapses (comunicação) com um órgão (tecido que não controlamos) ou víscera. 

Resultado de imagem para sistema nervoso periferico somatico e autonomo

           É primordial saber que eles são antagônicos. O que um faz o outro faz justamente o contrário. No stress você terá o sistema simpático atuante e na situação de repouso o sistema parassimpático.
A origem do sistema parassimpático é localizada, no tronco cefálico e nas últimas vértebras da coluna (sacro), crâniossacral.
O neurônio do sistema parassimpático fica ou bem próximo à víscera e longe da medula espinhal ou dentro da mesma.
Restauração ou Manutenção / Sistema poupador
- Faz a síntese dos alimentos das gorduras, proteínas na digestão
- Batimento cardíaco normal ou diminuição da frequência cardíaca
- Diminuição da pressão arterial
- Contração da bexiga
- Relaxamento dos esfíncteres (gastrointestinal)
- Miose (diminuição da pupila)
- Bronco constrição
- Ereção
- Aumento das secreções (gástricas, salivais, intestinais)
A origem do sistema simpático é localizada no meio da coluna do tórax à lombar ou toracolombar.
O neurônio do sistema simpático fica localizado longe da víscera e bem próximo da medula espinhal e,  fará a ligação com a víscera através da fibra nervosa.
Luta ou Fuga / Gastador
- Aumento da frequência cardíaca
- Aumento da pressão arterial
- Relaxamento da bexiga
- Desvio do fluxo sanguíneo para os músculos esqueléticos
- Bronco dilatação
- Midríase (aumento da pupila)
- Inibi a salivação
- Aumento da glicemia
- Ejaculação

Resultado de imagem para sistema nervoso periferico somatico e autonomo


oobs:- O texto sobre o sistema nervoso foi uma coletânea rápida de estudos feitos há algum tempo, portanto caso conheçam a fonte favor nos informar para que possamos creditá-la. Obrigada.

23 de mar de 2017

Conhecendo a Máquina Corpo

Resultado de imagem para alguem feito de luz meditando

Olá amigos,
                Hoje vamos falar um pouquinho do que é a máquina humana, como o corpo reage e o que podemos aprender para ficar no controle deste aparelho físico.
                Em primeiro lugar precisamos compreender que o corpo é uma máquina que foi criada para funcionar, existem programas inteligentes nessa máquina que podem dominar o controle de nossas vidas diante das situações vividas.
                Muitos dizem que são incapazes de meditar por entenderem que meditar é sinônimo de silenciar a mente. Diante desta incapacidade, tais pessoas acabam por se irritar, frustrar ou desistir desta técnica tão poderosa e eficaz. Sendo assim, vamos compreender o porquê disto tudo e como meditar de forma proveitosa.
                Os órgãos do nosso corpo são programados ou constituídos de forma inteligente para funcionar e manter a vida. Sendo assim, nós não precisamos nos atentar às inúmeras funções necessárias para nos mantermos vivos. Já imaginou alguma vez se você precisasse controlar sua respiração, seus batimentos cardíacos, sua digestão, suas funções fisiológicas e etc? Seria uma verdadeira odisseia com um final catastrófico. Portanto, devida a grande Inteligência Divina, o corpo funciona automaticamente aos mais variados estímulos e necessidades humanas. Nós não precisamos nos preocupar se nosso coração está pulsando 80 vezes por minuto, que o ar que entrou tem que sair pelo mecanismo da respiração, que o sangue tem que circular por nossas veias, que os martelos precisam acionar para podermos ouvir e, assim por diante. A Máquina Corpo é uma das criações mais perfeitas já vista e estudada.
                Pois bem, para que tudo funcione perfeitamente existem, o que podemos chamar, de programações central que são os neurônios e o sistema endócrino.
                Da mesma forma que o corpo funciona automaticamente para manter a parte física ele também produz estímulos diante de situações emocionais através do sistema simpático e parassimpático que é o sistema nervoso autônomo que não tem controle, ou seja, que nós não controlamos (funcionamento dos órgãos e glândulas). É a parte involuntária do nosso corpo, que parte de um neurônio (nervo) do sistema nervoso central  (espinha medular) até se comunicar com um gânglio (conjunto celular), dando continuidade através de fibras nervosas até gerar uma sinapses (comunicação) com um órgão (tecido que não controlamos) ou víscera.  
                A ciência também já descobriu que o coração possui 40 mil neurônios. Mas como assim? Podemos perguntar: Os neurônios não são pertencentes ao cérebro? A resposta é: Não! O cérebro não é o único órgão que possui neurônios para enviar mensagens para o funcionamento da máquina corpo, o coração que é o centro das emoções também possui esses neurotransmissores que agem diretamente em nossas reações e sentimentos liberando hormônios.
                Vejamos:
- Se estou feliz meu coração irá enviar esta informação para o meu cérebro e imediatamente ele enviará essa transmissão para as glândulas e liberará hormônios de serotonina e endorfina que me trará sensações prazerosas.
- Se estou com raiva ou medo o processo será o mesmo, só que a liberação hormonal será outra. As glândulas irão liberar adrenalina e noradrenalina, que vão preparar meu corpo para me defender, correr, lutar, agir e, etc.
- Se estamos apaixonados será liberada a dopamina que é o neurotransmissor de controle das emoções, como por exemplo, o amor e paixão. Ela potencializa a sensação do bem-estar.  Seus níveis também aumentam na paixão e é responsável pelo aumento do desejo pela pessoa amada. Também é ela que atua nas descargas de emoções para o coração e para as artérias.
                Diante disto tudo podemos perceber que da mesma maneira que o corpo contribui para as reações de todo tipo de emoções, que ele também gera mecanismos de realizações através de ações repetitivas. Exemplo: Quando você começou a aprender dirigir, era necessária uma atenção em todos os movimentos; momento de trocar as marchas, acelerar, brecar, acionar a seta, etc; depois de algum tempo dirigindo seu corpo não necessita mais da sua ajuda e atenção ele conclui todos os procedimentos automaticamente e sua atenção pode ficar livre para outros objetivos.
                Compreendendo este funcionamento podemos ver que é impossível parar a mente, o corpo; ou deixar de sentir as emoções. Então o que podemos fazer para viver uma vida mais consciente? Aprender a observar com razão as reações trazidas pelo ego e a conduta mecânica de hábitos negativos e depreciativos que acabamos condicionando nossa máquina corpo.
                Qual é a única forma de manter sua mente no agora e na razão? É focar na respiração e nada mais. Volte toda sua atenção apenas para sua respiração e verá que instantaneamente suas reações hormonais, que te desequilibram (raiva, medo, ansiedade, nervosismo), reduzirão.
                Ao meditar faça o mesmo, coloque toda sua atenção em sua respiração e transforme-se em um observador. Você perceberá que seus ouvidos continuam ouvindo, que seu nariz continua a perceber os odores, que seu corpo continua sentindo e que sua mente tentará o tempo todo conquistar sua atenção trazendo inúmeros assuntos para alcançar este intento e, cada vez que ela trouxer um assunto você observará do que se trata e voltará a colocar sua atenção na respiração. Com o passar do tempo você perceberá quais são as coisas e sentimentos que te incomodam, que te atormenta e poderá aos poucos e racionalmente a trabalhar nestes pontos limpando estas densidades para se equilibrar.
                A meditação, assim como o sono, é primordial para a captação de prana (energia vital), que além do equilíbrio emocional também trará equilíbrio físico limpando os bloqueios energéticos que causam as doenças. Por esta razão aconselhamos a meditação diariamente, assim como você se alimenta e higieniza fisicamente, a meditação irá alimentar e higienizar seu corpo etéreo. Cuide-se, tenha amor por si.

Abraços e Luz,

Solange Costa – Dirigente espiritual

21 de mar de 2017

Como se defender de Íncubos e Súcubos?

Resultado de imagem para incubus e sucubus

Devido ao grande número de pessoas com dúvidas que estou recebendo sobre estes ataques, via e-mail e comentários no próprio site decidi elaborar este texto, na intensão de auxiliar ou aliviar estes amigos e à quem possa interessar.

Primeiro gostaria de esclarecer que no texto postado anteriormente os exemplos utilizados para mostrar como se dá o assédio de tais entidades foram os mais intrínsecos, o que não quer dizer que não haja outras situações as quais possam levar tais intercorrências.

Também é válido dizer que ter esse tipo de sonho no decorrer da vida é completamente normal. Todos nós, uma vez ou outra já passamos por eles, levando em consideração a força da energia sexual e os instintos humanos; o que é completamente diferente daqueles que sofrem verdadeiramente tais ataques.

A energia sexual é, para nós encarnados, uma das energias mais forte atuante. Tanto o é que, o entrelaçamento energético ocorrido em um ato sexual demora de quatro a seis meses para se dissolver completamente do campo áurico dos envolvidos. Este entrelaçamento energético é o responsável também pelo efeito “fio terra” ocorrido durante o ato sexual.

O que isto quer dizer?

Durante o ato sexual, todos os chacras se ligam e ativam simultaneamente o que faz com que a energia do parceiro se misture, literalmente, à sua. Sendo assim, podemos perceber que o ato sexual acaba por dividir entre os parceiros toda gama energética que está impregnada no campo emocional e áurico. Por esta razão que sentimos o efeito fio terra. Que é extravasar os excessos e acúmulos energéticos num ponto de escape para que a máquina não entre num colapso.

Esta divisão energética entre casais saudáveis e moralmente equilibrados traz uma grande sensação de bem-estar e alegria, aliviando stress e tensões do dia a dia, já naqueles que estão “doentes” e são desregrados moralmente traz um alivio imediato para posteriormente sofrer todos os desequilíbrios já apresentados e mais alguns que eram referentes ao parceiro escolhido.

Então vejamos, até aqui entendemos que ter sonhos sexuais brutalizados ou pervertidos, desde que não sejam frequentes é natural no ser humano, que as pessoas que sofrem tais ataques nem sempre são imorais ou desregradas, que a energia sexual é poderosíssima e integradora e que a má escolha do parceiro pode acarretar sérios desequilíbrios e problemas no âmbito geral de nossas vidas. Entendemos também que além da procriação e do prazer corporal em si, que o sexo é uma forma natural de extravasar e equilibrar nossas energias e emoções.

Para entendermos melhor estas situações, é primordial atentar para o fato de que tudo e todos somos energia e que energias iguais se atraem.

Sendo assim, vejamos quais são os outros motivos, além da perversão e má índole, que podem levar uma pessoa a sofrer tais ataques.

1 – Abuso sexual na infância ou em outro momento da vida. A negação da dor desse tipo de agressão pode causar sérios danos emocionais nas pessoas. Mesmo que estas possam pensar que já superaram tal ocorrência, graves traumas ligados ao sexo podem estar escondidos no subconsciente o que leva a emanação distorcida e negativa da energia sexual. Esta distorção poderá atrair tais entidades que se aproveitarão desta “porta aberta” para saciar seus mais perversos intentos.

2 – Trauma de relacionamento que causaram grande dor e decepção em qualquer fase da vida, que da mesma forma, não foi tratado.

3 – Negação da sexualidade, isto pode ocorrer muito com os homossexuais ou com aqueles que possuem a sexualidade diferenciada daquilo que é considerado “normal” no padrão social. Exemplo: bissexual, transexual. O acúmulo energético de dúvidas internas, a autonegação ou condenação, o medo de assumir sua condição, a solidão, as agressões externas recebidas; são um conjunto poderoso energético de desequilíbrio na frequência da energia sexual. Queremos deixar claro que não estamos dizendo que ser sexualmente diferente é o desequilíbrio e, sim as emoções e traumas pela não aceitação própria.

4 – Ligações de vidas passadas. Tanto no sentido de estar literalmente envolvido nesta frequência onde criou-se uma parceria energética ou no sentido de vingança devido algum ato destrutivo praticado pela pessoa em vidas passadas; seria como um acerto de contas distorcido praticado por estas entidades.

Estes são mais alguns tópicos numa infinidade de situações que podem gerar essa frequência sexual negativa que poderá culminar no ataque de Íncubos e Súcubus.

Como podem ver, não são apenas as pessoas consideradas sexualmente “perdidas” ou “pervertidas” que passam por tais situações. Os traumas mais profundos e as dores emocionais mais latentes podem de fato gerar uma frequência energética que atrairá tais entidades.

Como tratar?

- Se você é uma das pessoas que sofre terrivelmente com estes ataques durante o sono, o primeiro passo é observar se há algum tipo de trauma ou negação emocional. Em caso afirmativo é primordial que busque ajuda profissional, como um psicólogo ou um terapeuta, para equilibrar estas emoções e sair desta frequência.

- Buscar ajuda espiritual para que estes elos energéticos sejam desfeitos; manter o máximo possível uma conduta ilibada no seu comportamento sexual; manter uma postura de autoconfiança, aceitação e apoio; escolher com muito cuidado seus parceiros e por fim, se ligar à energia Divina o máximo que conseguir até que este quadro de ataques se rompa de vez.

Desejamos que Deus abençoe e traga discernimento para que suas mentes e caminhos se abram para a libertação desses elos tão pesados que trazem tanto sofrimento.

Apenas um adendo: Gostaríamos que nossos amigos e leitores compreendessem que os textos postados no site são enormemente resumidos. Entramos com os temas para dar uma noção da espiritualidade e das mais variadas ligações energéticas que podem ocorrer. Este tema, Íncubos e Súcubos, por exemplo, é um tema que para explicar em todas suas nuances seria necessário escrever um livro. Sendo assim, busquem se aprofundar mais nos assuntos levantados.

Abraços e Luz,
Solange Costa - Dirigente Espiritual

8 de mar de 2017

Comunicado aos nossos amigos e seguidores

Resultado de imagem para universalista


Olá amigos e seguidores,

 

Talvez, alguns de vocês tenham percebido que praticamente silenciamos o face e nosso site nestes últimos tempos. Voltamos hoje para fazer um comunicado.

Durante essa jornada de oito anos do Templo de Umbanda Caminho da Luz – T.U.C.A.L, vivenciamos diversas situações agradáveis e desagradáveis, alegres e tristes, recompensadoras e ingratas, altos e baixos vencidos com muito amor, comprometimento, esforços, estudos e transformações.

Graças à Zambi, Pai Oxalá, Forças Naturais, Energias Cósmicas, Mestres ou o que agrade suas almas, nossos caminhos deram uma guinada e é por esta razão que hoje estamos aqui falando de coração aberto.

Desde o início, o Pai Cobra Coral, deixou claro que a Umbanda era apenas mais um caminho que nos ajudaria a alcançar a luz, avisou-nos que sua maneira de trabalhar era diferenciada e pediu com muita humildade que déssemos à ele uma oportunidade para apresentar seu trabalho; o que fizemos com respeito e gratidão. Ele sempre deixou claro que trabalharia nosso ego, orgulho e vaidade e, da mesma maneira, afirmou que se suportássemos passar por estas provas, que receberíamos um degrau de ascensão em nossa evolução.

Inicialmente, o próprio Pai Cobra Coral, fez aulas maravilhosas ensinando a Umbanda por um prisma mais energético, mostrando como funciona os trabalhos, as ligações energéticas do terreiro (Congá, Trunqueira, Firmezas), mirongas, etc. Nesta fase, eu era levada em desdobro ao plano astral para ter aulas de uma forma muito intensa e assídua, recebi várias informações e esclarecimentos que jamais imaginávamos o funcionamento. Nossos estudos foram se intensificando e aprofundando de tal forma que hoje nos encontramos nesse momento de reflexão e decisão.

Finalmente, após estes oito longos e, ao mesmo tempo rápidos anos, nosso Hospital Astral está pronto, firmado e aberto. O Hospital Aldeia de Luz, passará a atender todos àqueles que necessitem de cura. Seja ela física, emocional ou espiritual, estaremos prontos para receber com amor e dedicação. Para que tais curas possam ocorrer foi necessário um aprendizado que foi muito além dos fundamentos da nossa Amada Umbanda e, assim fizemos. Buscamos, estudamos, experimentamos, experienciamos, treinamos e estamos em constante estado de aprendizado, sempre buscando melhorar e aperfeiçoar.

Por este móvito nossos trabalhos aos poucos foram perdendo as características básicas de um trabalho de Umbanda o que nos fez decidir, de comum acordo entre a corrente, que hoje para sermos honestos com àqueles que buscam nossa casa que não podemos mais nos denominar um Templo de Umbanda. A partir de hoje trabalharemos sob a egrégora e energia do universalismo fazendo com que nosso Templo passe a se chamar: Templo Universalista Caminho da Luz – T.U.C.A.L

Sabemos que a própria Umbanda tem um cunho Universalista, porém fomos muito além do que é visto costumeiramente na maioria dos terreiros. Nossos trabalhos atuais abrangem: trabalhos com os guias de Umbanda, Xamanismo, cromoterapia, psicossomática e metafísica, reiki, apometria, técnicas de meditação, técnicas de autoconhecimento como o Ho’oponopono, técnica de respiração consciente, reprogramação mental quântica, cura quântica, etc. Nossa casa tem como foco principal a evolução e a cura o que nos leva à constantes aprendizados e abordagens diversificadas; sem receios de julgamentos alheios ou de mudanças de conceitos nos encontramos entusiasmados nesta busca. Entramos inicialmente num processo muito doloroso de autoconhecimento, por falta de compreensão e conhecimento este início foi muito difícil onde muitos se perderam, fraquejaram, ou se foram, porém para quem suportou tais condições, foi e está sendo treinado para trabalhar sobre si e as situações com o olhar da verdade, assim como ensinou Jesus: “Conheceis à verdade e ela vós libertará”. Estamos cada vez mais livres e conscientes para desfrutarmos de tudo o que há de bom e proveitoso no Universo, atuamos numa rede eletromagnética de infinitas possibilidades, sempre amparados pelos Mentores Astrais e Guias da Umbanda.

Por saber que a energia Cósmica atual está impulsionando os seres no sentido do saber, de novas descobertas, e de certa forma provocando ou trazendo certas mudanças, estou pensando carinhosamente em preparar um Workshop para relatar nossas experiências, mostrar o caminho das pedras para àqueles que estão nesta situação de mudanças e novidades e ainda não entenderam exatamente o que o astral espera de nossas egrégoras umbandistas. Vou amadurecer a ideia e assim que estivermos preparados comunicaremos o evento e enviaremos nossos convites para todos nossos amigos e seguidores. A intenção não é ensinar ou direcionar nossos irmãos nos trabalhos que devem realizar em suas casas ou mediunicamente e sim, compartilhar o que vivenciamos, o que descobrimos, o que estamos vivendo, as maneiras que encontramos para colocar estas novas linhas de trabalho juntamente com a ritualística de Umbanda que tanto amamos, apresentar nosso novo olhar espiritual e energético, etc. De antemão adianto que estamos muito felizes e satisfeitos com essa nova jornada e acima de tudo, muito confiantes com os resultados que certamente alcançamos e alcançaremos. Como dirigente, gostaria de aproveitar a oportunidade para dizer o quanto estou repleta de carinho, cumplicidade e satisfação para com o corpo mediúnico de nossa casa. Preciso parabenizar a todos os integrantes do Tucal pela força e boa vontade nesta busca.

Nos dias que seguem daremos continuidade aos nossos trabalhos na internet com novas informações, matérias e integração com os amigos.

Hoje, com as entidades da Umbanda, com os mestres Astrais, com vários segmentos energéticos e quânticos passaremos a ser os filhos do Templo Universalista Caminho da Luz – T.U.C.A.L.


Abraços e Luz,
Solange Costa – Dirigente Espiritual